terça-feira, 17 de janeiro de 2017

ACORDEI COM OS RESPINGOS DA NEBLINA.

ACORDEI COM OS RESPINGOS DA NEBLINA. POUCO A POUCO FOI CRESCENDO O MOVIMENTO E DE REPENTE SE TRANSFORMOU EM UMA CHUVA INTENSA. É DIFERENTE UMA MADRUGADA COM CHUVA. MESMO ADORMECIDA, A NATUREZA LÁ FORA MOSTRA SUA CARA. SÃO EXATAMENTE QUATRO HORAS E O CÉU TOTALMENTE NUBLADO PARECE QUE INICIA UMA FESTA. DEUS É PRÓDIGO E BOM. CONTINUA AUMENTANDO ESSA CHUVA. QUERO DEITAR-ME, O TRABALHO ME CHAMA. TENHO QUE IR... É UM NOVO UM DIA... NINGUÉM ACORDADO, SÓ EU. INDA BEM QUE ESSA CHUVA ME FAZ COMPANHIA. A PORTA SE ABRE. OS PINGOS DÁGUA CAEM. JÁ, JÁ UM NOVO BRILHO. VEJO Á DISTANCIA A NATUREZA, SORRINDO. É O DEDO DE DEUS, MUDANDO AS COISAS NOSSAS DE CADA DIA. QUE BOM, A CHUVA NÃO PÁRA E EU AQUI, DA JANELA AGRADECENDO AO PAI ETERNO. UM PRESENTE DE DEUS... UMA CHUVA QUE ME FAZ COMPANHIA, NA ALEGRIA E TAMBÉM NESTAS EMOÇÕES QUE SÓ ELE SABE NOS DAR... ( QUINTA-FEIRA - 13.02.2014)... 4:15 H.

Nenhum comentário:

Postar um comentário