terça-feira, 17 de janeiro de 2017

QUERO ESCREVER MAS NÃO ATINO NADA QUE POSSA DECIFRAR SENTIMENTOS E ALEGRIA...

NA FOTO - O AUTOR DA CRÔNICA ( RUFINO SILVA }. O NETO AMADO, PABLO FORLAN E A NOSSA VERDADEIRA LENDA DA IGREJA CATÓLICA DE ARACOIABA, DONA ROCILDA, NOSSA MÃE.

QUERO ESCREVER MAS NÃO ATINO NADA QUE POSSA DECIFRAR SENTIMENTOS E ALEGRIA... QUERO FALAR MAS AS PALAVRAS FOGEM DE MIM E DE MEUS LÁBIOS, CONFUSO E TIRITANDO ALGO QUE POSSA NUBRAR
MEUS OLHOS E MINHA VISÃO. CHORAR NÃO POSSO E NÃO CONSIGO. NÃO MAIS LÁGRIMAS. TUDO FOI DERRAMADO NUM SUFOCO ESPIRITUAL E HIPOTETICAMENTE NÃO ACONTECIDO. ASSIS SE PASSARAM NADA MENOS DE UM MÊS, QUE DONA ROCILDA PARTIU DESSA PARA A OUTRA VIDA. NÃO DIREI QUE A CIDADE DE ARACOIABA AINDA CONTINUA EM SILÊNCIO E MAIS TRISTE. IMPOSSÍVEL. A HUMANIDADE É VOLÚVEL E IGNARA. TODAVIA MUITA GENTE AINDA, PRINCIPALMENTE FILHOS, NETOS, IRMÃOS, PRIMOS E DEMAIS OUTROS AMIGOS... ISSO JÁ NOS BASTA E NOS CONSOLA. SUA AUSÊNCIA NOS DEIXOU TÁCITO E SEM AÇÃO. TODO MUDOU, NOS COLOCANDO NESSA ROTINA ACRE E DESUMANA... PENA. ELA NÃO MAIS HABITA ENTRE NÓS. PARECE - NOS QUE O MUNDO TORNOU -SE MENOS HUMANO E SOLIDÁRIO, SEM ELA. FORAM TRINTA DIAS SEM DONA ROCILDA, MINHA MÃE, MÃE DO GILVAN, DEDIN E DO SEBASTIÃO, QUE IRMANADOS NO MESMO SOLUÇO, DÃO - SE AS MÃOS E CHORAMOS POR ELA. DONA ROCILDA, FICOU A SAUDADE. FICOU SEU EXEMPLO DE MULHER HUMILDE E ACIMA DE TUDO, DONA DE UM PODER DE FÉ QUE NEM MESMO AS TEMPESTADES IRÃO NAVEGAR NA POSTERIDADE. MAMÃE, NÓS VAMOS TER SEMPRE A SENHORA CONOSCO. QUER AONDE ESTEJA, ORE POR TODOS NÓS E LOGICAMENTE TEREMOS, UM MUNDO MAIS HUMANO E SEM O APEGO DA MATÉRIA QUE TANTA IMPERA NESSA HUMANIDADE. MAMÃE, FIQUE SEMPRE PERTINHO DA GENTE, MESMO DISTANTE ENTRE O CÉU E A TERRA, A ABRAÇAR E INTERCEDER ENTRE NÓS, O VERDADEIRO PERDÃO DE NOSSOS PECADOS... 14.07.2015. ÁS 18: 36 H. REDIGIDO PELA RADIALISTA E JORNALISTA RUFINO SILVA. SEU FILHO... NA FOTO - O AUTOR DA CRÔNICA ( RUFINO SILVA }. O NETO AMADO, PABLO FORLAN E A NOSSA VERDADEIRA LENDA DA IGREJA CATÓLICA DE ARACOIABA, DONA ROCILDA, NOSSA MÃE. AMÉM.

Nenhum comentário:

Postar um comentário