terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Na estrada, que sequer sei o destino ou mesmo a sua direção.

Foto: Rufino Silva no seu carro "Sonho Meu"
NA ESTRADA. SENDO CONDUZIDO PELO SOPRO FRIO E LENTO QUE BATE MANSAMENTE NO PARA-BRISA DO SONHO MEU IV, PERDIDO NO TEMPO E SEM RUMO. NÃO SEI PRA ONDE VOU, ESCUTO APENAS O ECO DO VENTO E. VISLUMBRO O INFINITO DESSA ESTRADA QUE SEQUER SEI O DESTINO OU MESMO SUA DIREÇÃO. JÁ ESTAR QUASE NOITE... VEJO LUZES DA PRÓXIMA CIDADE. ONDE ESTOU ? SEI NÃO. SEI APENAS QUE DEVO PARAR DIANTE DESSA INCERTEZA DEVO OLHAR PARA TRAZ E DO RETROVISOR DO TEMPO BUSCAR VOCÊ DE VOLTA COM A CERTEZA QUE NUNCA MAIS VOLTARAS. 13.12,2016. TARDE E NOITE.

Nenhum comentário:

Postar um comentário